'Reajuste da segurança em Minas Gerais é erro institucional', diz João Doria

A tentativa do governador Romeu Zema (Novo) de reajustar os salários dos servidores da segurança pública foi criticada nesta segunda-feira (2) pelo governador de São Paulo, João Doria (PSDB). O tucano classificou a medida como um erro institucional, disse que ela pressiona os demais governadores do Brasil a conceder reajustes, e fez um apelo público para que a decisão seja revista pelo chefe do Executivo estadual.

“A meu ver, é uma decisão que precisa ser revista. Não é boa para Minas. O Estado não tem condição fiscal para isso. Não quero interferir nos temas de Minas, mas a minha percepção é de que ela não é boa, porque é inviável”, disse, em entrevista coletiva, durante participação no Conexão Empresarial, evento que aconteceu em Belo Horizonte.

Fonte: O Tempo

CASAMENTO

CASAMENTO

Saiba mais

15 ANOS

15 ANOS

Saiba mais

FORMATURA

FORMATURA

Saiba mais

CORPORATIVO

Corporativo

Saiba mais

Orçamento para o seu Evento